"SANTA"

Fascinação, o que é fascinação? Algo que me causa arrepio na pele por este teu jeito de menina num corpo de mulher, que me enche de desejos. Não sei direito, mas, to achando que isso é a raiz de um amor.

Todos os posts de igorhunsaker

KATIA…

Por intermédio de um site, conheci uma mulher maravilhosa, que aqui a chamarei de Kátia.Já faz alguns dias que nós estamos nos falando por mensagem . Tudo que sei a seu respeito, foi através da internet, Kátia é alegre, meiga, descontraída e é casada. Casou-se aos 19 anos, com um industrial, residente em uma grande capital do país. Seu esposo é pastor de uma igreja evangélica renomada, a qual usa muito seu tempo, pois com suas empresas e igreja precisa dispor de muito tempo e dedicação ao trabalho das duas coisas, deixando Kátia sozinha por muito tempo.Ela por causa do…

Ler mais

Isabelle

Ela é branquinha, loira de cabelos longos até o ombro, peitos médios que encaixam certinho nas mãos e uma bunda fenomenal de tirar o fôlego de qualquer marmanjo. Sou apaixonado por ela e faria qualquer coisa para agradar minha princesinha e ela também é apaixonada por mim, apesar de tudo que já passamos e de quase termos rompido há algum tempo.Eu moro numa cidade do interior de São Paulo, porém é cidade grande e industrial, portanto temos uma vida agitada. E por isso, vira e mexe ia com meus pais para casa de um tio (irmão do meu pai) que…

Ler mais

REBECA…

‘Um garoto morre ao entrar no quarto da madrasta’ Ainda pequeno meus país se divorciaram, morei com minha mãe até os 14 anos na cidade de São Paulo, foi quando ela recebeu uma oportunidade de emprego no estado do Rio Grande do sul onde ela poderia finalmente ganhar mais que um salario mínimo. Ela queria que mudássemos para lá. Mas meus amigos estavam todos aqui, eu não queria ir.Morávamos no metro na Lapa em um apartamento alugado, e meu pai na época também morava em são Paulo mas na região de Itaquera, a poucas estações. Essa época foi conturbada e…

Ler mais

ONTEM FOI UM DIA ENSOLARADO…

Era um domingo de manhã e eu resolvi treinar em casa mesmo. Montei a bicicleta em um rolo no quintal de casa mesmo e comecei o treino com minha esposa dormindo ainda. Depois de uns 40 minutos mais ou menos ela apareceu no quintal com uma calcinha que praticamente não existia, sem mais nada... O detalhe é que moramos ao lado de um prédio e todos os apartamentos tem visão pelas sacadas do nosso quintal. Na hora meu pau ficou duro como pedra e eu perguntei a ela onde ela ia daquele jeito. Ela respondeu que ia pegar um solzinho…

Ler mais

A Doutora Sandra…

Recentemente, tive alguns problemas de pele com o aparecimento de pequenas manchas em certas partes de meu corpo que não doíam muito menos coçavam (e como já diziam os especialistas: se não dói ou coça, exige atenção!), razão pela qual procurei junto ao meu hospital um dermatologista com o qual pudesse me consultar. Após algumas pesquisas no sítio eletrônico do convênio, descobri uma dermatologista cujo consultório ficava bem perto de minha casa, facilitando por demais as coisas para mim em termo de dispêndio de tempo e deslocamento. Liguei imediatamente para o consultório e fui atendido por uma recepcionista de voz…

Ler mais

CIDA…

Tem uma turma na empresa que sempre marcamos de sair para tomar umas cervejas, Igor que sou eu, Daniel que namora a Amanda que também trabalha na empresa, Cida e casada e o Paulo que esta noivo. Na sexta feira saímos do trabalho as 17:00Hs aí ficamos com bastante tempo porque a Paulo e a Cida, não podem chegar tarde em casa, fazemos isso sempre uma vez por mês.Na nossa última saída como de costume a Amanda foi de moto com o Daniel e eu levei o Paulo e a Cida de carro, sempre vamos no mesmo barzinho, quando chegamos…

Ler mais

Perceba a malícia e inteligência da mulher mais madura.

Eu tenho certeza que foi esta que desenvolveu minha tara por mulheres mais velhas. Temos uns bons 15 anos de diferença, então, quando nos conhecemos eu deveria ter uns 22, 23 anos. Ela já estava se aproximando da casa dos 40.Toda simpática e risonha, sempre quando vinha falar comigo, não perdia a oportunidade de encostar em mim.Adorava quando alisava meu braço. Passou a apertar, deixava a mão, até o dia que sentou no meu colo, no meio da minha sala, que nem porta tinha. Trabalhávamos juntos, em setores diferentes.Depois disso não havia mais escapatória. Passamos a nos encontrar. O tesão…

Ler mais

Não falo nada… Não preciso…

Quer pagar para ver? _ quero. Vamos ver então.Pego o copo de uísque e término o que você restava com apenas um gole.Bato o copo no balcão e começo a sair de trás, em direção a você.Observa-me atenta com seus olhos curiosos e a mão na taça de vinho.Virou-se para continuar o que estava fazendo.Estava linda naquele vestido preto que te dei. Provavelmente sem lingerie.Não virou para me olhar, não precisava, conseguia me ver pelo reflexo dos eletrodomésticos.Chego perto do seu ouvido e digo com uma voz autoritária, enquanto começo a tirar a gravata._ termine sua bebida._ porque? - me…

Ler mais

Você termina de falar…

Imagine que só tinham duas pessoas naquela sala. Eu e você.O universo inteiro pertencia a nós, só nós existíamos, nada mais importa.Você apoiada um pouco para a frente, mostrando algo no computador.E eu atrás de você, um pouco afastado, só observando.Estica um pouco mais, e a blusa levanta um pouco, o suficiente para revelar as curvas que eu queria ver.Que bela bunda.Sinto que meu membro começa a se mexer dentro da minha calça.Acho que você, inconscientemente, também percebe,colocando sua mão para trás, com a palma para fora, como num gesto que querer me alcançar.Me pegar pelo pau, por cima da…

Ler mais

PRECISO DE SEUS COMENTÁRIOS!!!

ELES ME AJUDAM A SABER O QUE ESCREVER. MAS… PORQUE NÃO PUBLICO A MAIORIA DOS COMENTÁRIOS??? O problema com os comentários abertos e amplos não é que eles corrompam os sentidos dos textos, mas que eles podem dessensibilizar os mesmos; não que eles questionem as paixões; mas que eles podem aleijar as emoções; não que eles encorajam uma atitude mundana, mas que eles (muitas vezes) é uma provocação para obsessões sexuais; não que eles removam os leitores, mas que eles podem distorcer a interpretação dos mesmos. A destreza de comentários é proclamada, mas o amor é negado. O que publicamos…

Ler mais